Alimentação para gestante: guia completo com dicas de alimentos para fortalecer a saúde

alimentação para gestante

A gravidez é um momento muito especial, mas que pede cuidados. Um deles é a alimentação para gestante, que deve incluir alimentos nutritivos, ricos em vitaminas e minerais.

Para garantir o bem-estar da mamãe e o desenvolvimento saudável do bebê, existem alimentos que são grandes aliados e outros que devem ser evitados.

Continue a leitura deste artigo para descobrir quais são eles!

Como a alimentação pode ajudar na gravidez?

Durante a gestação, o bebê recebe todos os nutrientes necessários para a sua formação pelo cordão umbilical, que o conecta ao organismo da mãe.

Isso significa que tudo que a mamãe consome é passado para o bebê de alguma forma, por isso a alimentação equilibrada neste período é de extrema importância.

Pensando na gestante, existem alguns alimentos que ajudam a prevenir desconfortos e problemas comuns na gravidez, além de garantir o bem-estar e a qualidade de vida.

Qual a importância de uma boa alimentação na gravidez?

o que comer na gravidez para o bebê nascer saudável

O principal papel de uma boa alimentação durante a gestação é prevenir doenças e garantir a saúde, tanto para a mamãe como para o bebê.

Neste contexto, consumir os alimentos adequados, manter uma dieta balanceada e evitar alguns excessos são passos fundamentais para evitar problemas como a diabetes gestacional e a pré-eclâmpsia.

Segundo dados do Ministério Público, cerca de 4% das gestantes sofrem com a diabetes gestacional, problema que costuma aparecer a partir da 20ª semana de gravidez.

Qual a melhor alimentação para gestantes? 3 dicas de alimentos para esse período

A principal atenção com relação à alimentação na gravidez é sobre os ingredientes que devem ser evitados.

Neste ponto, vale destacar os cuidados no preparo das refeições também. O ideal é dar preferência aos alimentos grelhados ou cozidos no vapor, evitando frituras e ingredientes crus.

Pensando nisso, separamos algumas dicas importantes para esse período tão especial. Confira a seguir o que comer na gravidez para o bebê nascer saudável.

Alimentos que auxiliam na gravidez

Para começar, vamos falar sobre os alimentos que são grandes aliados da gestante. Durante este período, é fundamental aumentar a oferta de vitaminas e minerais.

Além de fortalecer a mamãe, isso também auxilia na formação saudável do bebê. Veja quais alimentos consumir na gestação:

  • vegetais verde escuro: couve, espinafre e rúcula são ricos em ácido fólico;
  • alimentos ricos em cálcio: leite, iogurtes naturais, queijos e frutas secas;
  • proteínas de origem animal: ovos, carne vermelha e carnes brancas e magras;
  • alimentos ricos em fibra: aveia, ameixas secas e pão integral.

Alimentos não indicados na gestação

Agora vamos destacar alguns alimentos não indicados para a nutrição gestacional.

Ou seja, aqueles que até podem ser consumidos, mas devem ser evitados para manter uma alimentação mais saudável neste período.

Confira quais são eles:

  • açúcar refinado: aquele famoso açúcar de mesa, muito utilizado para adoçar o café e o chá ou no preparo de doces;
  • vegetais não lavados: todo alimento deve ser muito bem higienizado antes do consumo para evitar qualquer tipo de infecção;
  • alimentos crus: peixes e ovos crus apresentam riscos de contaminação, por isso é importante saber a origem dos alimentos e se foram bem higienizados antes de consumir;
  • cafeína: mamães podem tomar café, mas sem excessos.

O açúcar refinado, por exemplo, pode ser substituído por açúcar mascavo, de coco ou até mesmo mel.

Já os alimentos crus, muito presentes na culinária japonesa, podem ser consumidos desde que tenham sido bem armazenados, higienizados e preparados.

Alimentos proibidos para gestantes

Enquanto alguns alimentos devem ser evitados, outros devem ser realmente cortados das dietas das gestantes.

Seja por perigo de contaminação ou pelo nível de toxinas, é importante saber o que a gestante não pode comer de jeito nenhum.

Confira a seguir os alimentos proibidos:

  • mariscos e crustáceos: lagostas, camarões, lula e mexilhões tem alto teor de mercúrio, por isso não devem ser consumidos na gravidez;
  • queijos maturados: alguns tipos de queijos, como brie, gorgonzola e o camembert são produzidos com leite não pasteurizado, por isso tem riscos de transmitir uma bactéria chamada listeria;
  • bebidas alcóolicas: as toxinas presentes no álcool podem passar para o bebê.

O que a gestante deve comer no café da manhã?

o que a gestante deve comer no café da manhã

O café da manhã é uma das refeições mais importantes do dia e merece uma atenção ainda mais especial durante a gravidez.

Pensando nos alimentos que trouxemos nas dicas sobre o que a gestante pode ou não pode consumir, separamos algumas sugestões para a primeira refeição do dia.

Veja a seguir o que incluir no cardápio pela manhã durante a gestação.

Panqueca de banana, aveia e mel

A panqueca de banana, aveia e mel combina vários alimentos nutritivos para as gestantes. O mel, por exemplo, é um ótimo substituto do açúcar refinado.

Já a aveia é rica em fibras, que ajudam no funcionamento do intestino durante esse período.

A banana é fonte de carboidratos e potássio, fornecendo toda energia necessária para manter a disposição ao longo do dia.

Omelete italiano

Os ovos são uma excelente fonte de proteína animal, além de serem um ingrediente muito versátil.

A nossa sugestão para as mamães é consumir essa proteína no omelete italiano, que traz também nutrientes importantes da batata, como o cálcio, ferro e fósforo.

Sucos naturais

As frutas são ótimas opções e podem ser consumidas em forma de suco.

Como sugestão, deixamos o suco de maçã,  laranja, pepino, couve manteiga, espinafre e limão.

Além dos benefícios da fruta, essa receita ainda traz o ácido fólico dos vegetais verdes, como a couve e o espinafre.

Quais frutas são boas para gestante?

Ainda falando sobre frutas, existem algumas que se destacam como muito benéficas para a saúde das gestantes e dos bebês.

Veja abaixo quais são elas:

  • abacate;
  • caqui;
  • laranja;
  • maçã;
  • melancia.

Como a kük pode ajudar na alimentação para gestante?

Ter uma alimentação saudável nem sempre é simples, mas quando você conta com a praticidade da kük tudo fica mais fácil!

A kük oferece pratos saudáveis, congelados com uma tecnologia especial para manter todos os nutrientes e o sabor dos alimentos por muito mais tempo.

Você pode pedir snacks, porções, pratos completos ou até mesmo sucos naturais cheios de sabor. Tudo sem sair de casa!

Depois, é só armazenar na geladeira e descongelar quando for consumir. Muito mais prático, não é mesmo?

Confira opções deliciosas de snacks saudáveis e práticos da kük para entrega!

Conclusão

Pensar na alimentação para gestante é um fator que faz toda a diferença para a saúde da mãe e para o desenvolvimento do bebê.

Como vimos ao longo deste artigo, existem alimentos que ajudam no combate a doenças e no bem-estar das gestantes, enquanto outros apresentam riscos de contaminação e devem ser evitados.

Agora que você já sabe quais são eles, monte um cardápio nutritivo e cheio de sabor com os pratos da kük!

Posts relacionados